No Dia Mundial de Combate à Pólio, o Rotary destaca a luta para erradicar a doença

A atriz Archie Panjabi (à direita) juntou-se à rotariana canadense e moderadora do evento, Jennifer Jones, pedindo a todos que apoiem a iniciativa global de combate à pólio.
Foto: © Rotary International/Tim Walters
O presidente Ron Burton fez um apelo aos presentes e às pessoas que acompanharam a transmissão pela internet para ajudarem a erradicar a pólio.
Foto: © Rotary International/Tim Walters
Dr. Bruce Aylward, diretor-geral assistente para Pólio, Emergências e Colaboração de Países na OMS, disse que a iniciativa global tem "as ferramentas, as táticas e o desejo político para terminar o trabalho".
Foto: © Rotary International/Tim Walters
Dennis Ogbe, sobrevivente da pólio, atleta paraolímpico e embaixador da campanha Shot@Life das Nações Unidas, pediu a todos para ajudarem a eliminar a pólio da vida das crianças.
Foto: © Rotary International/Tim Walters
Ron Burton, presidente do RI, Michael McGovern, curador da Fundação, e John Hewko, secretário-geral do RI, receberam convidados em um coquetel. A partir da esquerda: Lisa Foran (Lufthansa), McGovern, Bridget Calendo (diretora de parcerias do RI) e Scott Steffens, Sara Hocking e Jennifer Kinney (Grant Thornton).
Foto: Photo Credit: © Rotary International/Tim Walters
Dr. Robert Murphy, diretor do Centro de Saúde Global da Northwestern University, disse que a erradicação da pólio será um dos maiores acontecimentos da história para a saúde pública mundial.
Foto: © Rotary International/Tim Walters
Os sons internacionais da banda Funkadesi animaram o evento, inclusive uma música especial chamada "The Time Is Now".
Foto: © Rotary International/Tim Walters

O Rotary ajudou a colocar a erradicação da poliomielite em destaque no dia mais conhecido por reunir apoio para terminar este trabalho: O Dia Mundial de Combate à Pólio, 24 de outubro. 

A apresentação ao vivo do evento Dia Mundial de Combate à Pólio: Entrando para a História, destacou o progresso da Iniciativa Global para Erradicação da Pólio. O programa de 60 minutos, organizado pelo Rotary e o Centro de Saúde Global da Northwestern University, aconteceu no Auditório John Hughes da Northwestern, e foi transmitido on-line para todo o mundo.

O Presidente do RI, Ron Burton, iniciou o evento enfatizando que o Rotary começou a imunizar milhões de crianças contra a poliomielite em 1970, primeiro nas Filipinas e, em seguida, em outros países de alto risco.

"Houve uma queda drástica no número de casos nestes países", disse Burton. "Como resultado, em 1988, o Rotary, a Organização Mundial de Saúde (OMS), o Unicef e o Centro Norte-Americano de Controle e Prevenção de doenças se uniram para lançar a Iniciativa Global para Erradicação da Pólio. Mais recentemente, a iniciativa se beneficiou do grande apoio da Fundação Bill e Melinda Gates. É muito importante que este trabalho seja finalizado."

Dr. Robert Murphy, diretor do Centro de Saúde Global da Northwestern, ressaltou que a erradicação da pólio "é completamente possível e evitará que milhares de crianças fiquem paralisadas ou morram, economizando bilhões de dólares e garantindo que nenhuma pessoa no mundo tenha que se preocupar com esta terrível doença novamente."

Dennis Ogbe, sobrevivente da pólio, atleta paraolímpico e embaixador da campanha Shot@Life da Fundação das Nações Unidas para promoção da vacinação infantil, falou sobre os desafios de se viver com a doença e a oportunidade de proteger todas as gerações futuras contra a doença.

"Eu aprendi a não olhar para nada como impossível, principalmente a erradicação da pólio", disse Ogbe, que nasceu na Nigéria. "Nós já percorremos um longo caminho. Por isso, vamos terminar esta batalha e Eliminar a Pólio Agora".

Dr. Bruce Aylward, diretor-geral assistente para Pólio, Emergências e Colaboração de Países da OMS, enfatizou que o mundo pode vencer a luta contra a pólio, e lembrou que em 2013 o número de casos de poliomielite nos países endêmicos – Afeganistão, Nigéria e Paquistão – diminuiu 40% em comparação ao mesmo período em 2012. Ele acredita que o tipo 2 do poliovírus já foi erradicado e disse que em novembro completaremos um ano sem nenhum caso de pólio no mundo causado pelo tipo 3 do vírus.

Aylward falou sobre os desafios que a iniciativa global está enfrentando, como o surto de 200 casos no Chifre da África. No entanto, graças à ação rápida para controlar o surto, a pólio está rapidamente sendo eliminada novamente na região. Além disso, o Plano Estratégico de Erradicação da Pólio e Reta Final poderá impedir novos surtos caso consiga os fundos necessários.

O evento do Dia Mundial de Combate à Pólio também apresentou um vídeo sobre o trabalho incansável dos trabalhadores da área de saúde e rotarianos para imunizar as crianças do Paquistão. “Estamos muito otimistas que os desafios não impedirão que façamos o nosso trabalho e em breve o Paquistão estará livre da paralisia infantil”, disse o presidente da Comissão Nacional Pólio Plus do Paquistão, Aziz Memon.

Jennifer Jones, moderadora do evento, incentivou as pessoas a doarem à campanha de arrecadação de fundos Elimine a Pólio Agora: Entre para a História Hoje, através da qual as contribuições são equiparadas em 2:1 pela Fundação Bill e Melinda Gates. Ela também incentivou todos a se juntarem a mais de 50.000 pessoas em 150 países que expressaram seu apoio à iniciativa de erradicação global da pólio, participando do Maior Comercial do Mundo.

A atriz Archie Panjabi explicou com emoção o motivo pelo qual se tornou embaixadora do Rotary pela erradicação da pólio.

“Quando eu tinha 10 anos, fui morar na Índia. No caminho para a escola, eu via crianças aleijadas bem mais novas do que eu, pedindo esmola nas ruas”, contou Panjabi. “Foi algo que quebrou meu coração.”

Quando se tornou adulta, ela quis saber mais sobre a pólio e ficou "maravilhada ao ver o quanto o Rotary fez” para ajudar a Índia a se tornar país livre da pólio desde 2011. Assim, ela se juntou a uma equipe de voluntários do Rotary para ajudar a imunizar crianças no ano passado.

Jones desafiou todas as pessoas presentes ao evento e acompanhando on-line a divulgarem a luta contra a pólio em suas páginas de mídia social e a pedirem para seus amigos fazerem o mesmo. “E mande cartas e e-mails para os representantes governamentais pedindo que aloquem fundos para terminarmos o trabalho”, disse ela.

“Precisamos de vocês – e queremos entrar para a história!”

Rotary News 

25-Oct-2013
RSS