Chair do Conselho de Curadores da Fundação Rotária

Ray Klinginsmith

CHAIR DA FUNDAÇÃO, 2015-16

Setembro 2015

Junto com nossos parceiros, criamos um plano para os últimos estágios da erradicação da poliomielite, o qual está provando ser bem-sucedido. Ninguém pode dizer quando acontecerá o último caso de paralisia infantil, mas se continuarmos como estamos, ele será registrado antes do fim deste ano. Sem dúvidas, esta seria uma vitória sem precedentes para nós e para todas as crianças!

Temos um plano para divulgar o nosso trabalho na cruzada contra a doença e ganhar o merecido reconhecimento por nosso papel fundamental na sua erradicação. A nossa primeira campanha de imunização contra a pólio foi em 1979, época em que ocorriam 500.000 casos de pólio por ano. O sucesso que alcançamos nos levou ao lançamento do Pólio Plus, em 1985, com o objetivo de imunizar todas as crianças do mundo contra a poliomielite. Levantamos US$247 milhões para este fim nos primeiros três anos e, em 1988, juntamos forças com a Organização Mundial da Saúde, o Centro Norte-Americano para Controle e Prevenção de Doenças e o Unicef no sonho possível de erradicar a paralisia infantil da face da Terra. Tendo o Rotary como catalizador, a formação desta parceria marcou o início da odisseia.

Chegamos agora nos estágios finais deste esforço heroico, e é de suma importância que o mundo inteiro saiba das contribuições do Rotary como principal parceiro na luta contra a pólio. Faremos o possível para divulgar o papel da nossa organização, sabendo, porém, que isto é apenas uma peça do quebra-cabeça. Todo Rotary Club precisa saber da história da campanha Pólio Plus para promover o nosso trabalho em suas comunidades. Precisamos do envolvimento de todos os Rotary Clubs para espalharmos as boas novas globalmente.

Faça o download dos materiais promocionais disponíveis em endpolio.org e confira a publicação Rotary and the Gift of a Polio-Free World, que pode ser comprada pelo site shop.rotary.org. Não deixe de compartilhar pelas mídias sociais as informações sobre o papel do Rotary para acabar com a pólio. Não podemos desperdiçar nenhuma chance de espalhar aos quatro ventos a nossa brilhante atuação para um mundo sem poliomielite.

O Dia Mundial de Combate à Pólio, celebrado em 24 de outubro, é a oportunidade ideal para os clubes realizarem uma atividade visando tornar o nosso trabalho contra a pólio conhecido localmente. Utilize as notícias e divulgue a transmissão ao vivo promovida pelo site endpolio.org para celebrar a data e conseguir o máximo de publicidade. Estamos muito próximos do fim e não podemos perder o ânimo. Não fique de fora e divulgue a diferença que fazemos com o Pólio Plus!


Agosto 2015

Tradicionalmente, a Fundação Rotária usa algumas metas anuais como base para o planejamento do próximo ano rotário. Este ano, no entanto, temos um plano mais abrangente. Na reunião de outubro de 2014, inspirados pelo Plano Estratégico do RI, os curadores aprovaram quatro prioridades para os próximos três anos:

1. Erradicar a pólio de uma vez por todas.

2. Fortalecer o conhecimento, engajamento e apoio financeiro dos rotarianos em relação à Fundação Rotária.

3. Aumentar a qualidade e o impacto dos serviços humanitários do Rotary através dos subsídios da Fundação e das seis áreas de enfoque.

4. Fortalecer a imagem da Fundação e divulgar suas conquistas, especialmente os seus 100 anos de atuação e o sucesso do Pólio Plus.

Os curadores também aprovaram quatro metas mensuráveis para cada uma dessas prioridades. Portanto, agora temos 16 metas mensuráveis para guiar o nosso trabalho. As metas poderão ser alteradas anualmente com base no nosso progresso em relação ao alcance das prioridades. No entanto, o caminho que trilharemos este ano já foi determinado e, pela primeira vez, termos como medir nossos resultados!

Compartilharei com vocês algumas das metas nas próximas edições. O estabelecimento de metas mensuráveis para a nossa Fundação veio em tempo apropriado, pois o presidente do RI, K.R. Ravindran, propôs a criação de indicadores de desempenho para rotarianos que servem em posições de liderança. Assim, as metas mensuráveis facilitaram a criação de indicadores de desempenho para os coordenadores regionais da Fundação Rotária e os consultores de doações extraordinárias /Fundo de Dotação. Embora a iniciativa de estabelecer indicadores de desempenho ainda esteja em fase experimental e precise de alguns ajustes, ela certamente nos ajudará a ver mais claramente o que o futuro nos reserva.